Disney Bomb - bomba destruidora de bunkers

Disney Bomb - bomba destruidora de bunkers

20/04/2022 10:00

Um destruidor de bunker é um tipo de munição especialmente projetado para penetrar em estruturas fortificadas endurecidas que são frequentemente, mas nem sempre, enterradas no subsolo. 

A "Bomba Disney", às vezes chamada de "Disney Swish", foi uma bomba bunker-buster assistida por foguete desenvolvida durante a Segunda Guerra Mundial pela Marinha Real Britânica. A bomba, foi projetada especificamente para penetrar em estruturas de concreto endurecido, como canetas submarinas, projetadas para resistir a bombardeios convencionais de queda livre.

A bomba foi projetada pelo capitão da Marinha Real Edward Terrel e foi inspirada, em parte, por um filme de animação de propaganda da Segunda Guerra Mundial da Disney intitulado Victory Through Air Power. Esta nova munição foi equipada com foguetes de combustível sólido para ajudar a acelerar a velocidade da bomba durante a descida.

A bomba foi produzida por Vicker Armstrong e usou cordite como propulsor. Sua carga consistia em alto explosivo Shellite, e era tão grande que só poderia ser implantado por grandes bombardeiros americanos como o B-17 "Flying Fortress" e o B-29 "Superfortress". 

A "Disney Bomb" provaria ser muito eficaz, sendo capaz de penetrar cerca de 16 pés (4,9 mt) de concreto armado antes que sua carga explosiva detonasse. 

10 de fevereiro de 1945:

Nove aeronaves carregando 18 bombas da Disney atacaram dois cercados fortificados que se acredita conterem torpedeiros alemães Schnellboote e submarinos anões Biber.

O concreto foi penetrado com sucesso, mas os currais foram esvaziados antes da chegada dos bombardeiros.

30 de março de 1945

A Oitava Força Aérea dos EUA envia 36 aeronaves para bombardear o bunker de submarino Valentin, que estava em construção e os alemães planejavam usá-las como uma fábrica de U-Boats.

Os trabalhadores da construção foram vítimas de campos de concentração, prisioneiros de guerra e prisioneiros civis estrangeiros. Houve uma alta taxa de morte no local de trabalho devido às péssimas condições. Sessenta Disneys atingiram o local, mas apenas um atingiu a estrutura.

 

Fontes: diewelt, placeandsee, interestingengineering, warhistoryonline

Por Juliana Hembecker Hubert

Não esqueça de curtir nossas páginas no Facebook e no Instagram e nosso canal do Youtube                                      

Também temos dois grupos de discussão sobre as Guerras no Facebook. Se você tem algum post, foto, vídeo, curiosidades sobre as Guerras, não deixe de compartilhar conosco!! Grupo GuerrasGrupo II Guerra e e Grupo da FEB

Se você gosta do nosso trabalho e quer ver a história crescer ainda mais, nos ajude a manter o site doando um PIX de qualquer valor para a chave murilo@zheit.com.br

A Zheit agradece seus leitores e luta para manter a história dos nossos heróis.